O Caso TAM


Aviso: Mago: A Ascensão é um jogo. É um jogo sobre temas maduros e questões complexas. O material à seguir tem relação com este jogo. Como tal, ele não requer apenas imaginação, mas também bom senso. O bom senso diz que as palavras de um jogo imaginário não são reais. O bom senso diz que as pessoas não devem tentar realizar "feitiços mágicos" baseadas em uma criação totalmente derivada da imaginação de outra pessoa. O bom senso diz que você não deve tentar desvendar agentes do sobrenatural com inspiração em uma obra completamente fictícia. O bom senso diz que jogos são apenas para se divertir e quando eles acabam, é hora de colocá-los de lado.
Se você perceber que está distante do bom senso, desligue seu computador, afaste-se calmamente e procure ajuda profissional.
Para o restante de vocês, aproveitem as irrestritas possibilidades de sua imaginação.


1. Fatos:

O caso do avião da TAM, que fez um aterrissagem forçada devido a um bomba que explodiu próximo ao assento 18D. A explosão foi suficiente para arrancar uma poltrona com seu usuário da avião, arremessando-o para fora do avião, com 2000 metros de altura. O cinzeiro da 17D colou no teto, com o impacto da explosão. Ainda não se descobriu muito a respeito do que causou a explosão, mas "cientificamente", só existe uma explicação. Explosão química, pois não existem vestígios de pólvora ou outro reagente.

2. O que ocorreu realmente:

O que ocorreu realmente é a existência de um indivíduo, o Profº, que sofre de um mal exótico. Ele é portador de um pequeno problema de alma dupla. E ele, não sabe disto. Ela só atua quando ele dorme.

Pois bem, esta alma foi invocada por um poderoso mago para que derrubar o avião. Ele sabia que o Profº usaria o avião. Este mago, conhecido como Arraiz, queria derrubar o avião por um único motivo... Nele embarcavam cinco magos das tradições, sem que um tivesse conhecimento do outro. Estes magos haviam sido chamados para, justamente deter este miserável.

3. O que vai acontecer:

Como estes magos não morreram, eles vão continuar sua missão, mas agora sabem da existência deste demônio no plano etéreo. E precisam detê-lo. Ai que entram os PJs. Por terem conhecimento à respeito de todos os outros, por assim dizer, dotados de poderes, ele vão chamar alguns para a missão de vencerem o Profº, e estes serão os PJs.

Estes magos tem ordens de falar o mínimo possível a respeito disto, por isto eles darão apenas algumas informações:

Matar o profº por estar envolvido com necromancia;
Ele é perigoso e possui servos das trevas ao seu lado
Ele está em São Paulo, num hospital devido a sua tentativa de suicídio. Mas vai se recuperar muito mais rápido do que se espera.

Para obrigar os PJs os magos vão chantageá-los, dizendo que se recusarem ajudar, eles serão dedurados à Nova Ordem Mundial.

O prof.º por sua vez, esta assustado e realmente não sabe que ele é o culpado. Caso tenha chance vai dedurar que ele pensa que realmente se trata a culpa.

Para o Prof.º o verdadeiro culpado é a sua vizinha, Daia Xan. Uma oriental. Ela teria de ir no vôo, mas no ultimo momento não embarcou.

Daia, é a verdadeira culpada. Ela realmente queria matar os cinco magos da Luz, o demônio ainda estava fraco e, para variar um pouco, se precipitou, agindo em baixa altitude, numa altura mais alta todos morreriam. Daia, então, como investigadora de crimes, teria acesso aos corpos e ao focos, ou seja, o crânio dos magos. Agora que tudo deu errado, ela jogou toda a culpa no prof.º, mexendo os pauzinhos certos.

Se os heróis descobrirem sobre ela, através do Profº, aí a aventura realmente começa. Pois os magos verão os Pjs, como pessoas que sabem demais. Ela não pode ser atacada diretamente por ser da polícia e por ser um pessoa pública. Sua morte causaria muita repercussão. Alem disto, ela é uma pessoa muito poderosa, como maga, sendo que os pjs teriam poucas ou nenhumas chances num confronto direto.

4. Solucionando o caso:

O caso só pode ser resolvido de uma maneira. O demônio que esta aprisionada no corpo do profº., embora sádico, vai se enfraquecendo e, em conseqüência, o profº. Vai morrendo. Ele deseja voltar para seu plano, mas a Única maneira é através da morte da maga. Logo, palmas para o grupo se eles pensarem em fazer o profº assumir seu Aldir ego, próximo à maga. Assim o demônio assume sua forma que retém o poder e pode agir. E ele é bem mais poderoso que todos ali juntos. Após vence-la, ele ainda se vira contra os heróis, mas seu destino estará selado. Ele, em 15 rodadas, volta para a Umbra profunda

A polícia terá seu prêmio, o profº., mas por falta de provas, ele será liberado e cairá na miséria. Quanto a Daia, sua morte será relacionada a uma vingança do comando vermelho. Como isto aconteceu? Fácil, alguém se lembra dos magos das Tradições. Os PJs realmente sabem demais, mas eles os mantiveram livres, pois agora, motivos de chantagem não faltam...

local original: Blumenau RPG
nome original: O caso TAM
autor(es): Eduardo, baseado em fatos reais ocorridos em 2000
tradutor(es):

 Navegação Rápida