Shakti e Estilo


Aviso: Mago: A Ascensão é um jogo. É um jogo sobre temas maduros e questões complexas. O material à seguir tem relação com este jogo. Como tal, ele não requer apenas imaginação, mas também bom senso. O bom senso diz que as palavras de um jogo imaginário não são reais. O bom senso diz que as pessoas não devem tentar realizar "feitiços mágicos" baseadas em uma criação totalmente derivada da imaginação de outra pessoa. O bom senso diz que você não deve tentar desvendar agentes do sobrenatural com inspiração em uma obra completamente fictícia. O bom senso diz que jogos são apenas para se divertir e quando eles acabam, é hora de colocá-los de lado.
Se você perceber que está distante do bom senso, desligue seu computador, afaste-se calmamente e procure ajuda profissional.
Para o restante de vocês, aproveitem as irrestritas possibilidades de sua imaginação.


A palavra Sânscrita Shakti significa muitas coisas: Poder, força, Energia primal que, quando dada forma, começa e termina todas as coisas. A própria Shakti é a criadora, mulher e amante de Shiva; juntas elas dançam, fazem amor e dão nascimento ao universo em seu êxtase. Um conceito tangencial e complexo, Shakti incorpora a criação (especialmente em suas qualidades femininas), e contém aspectos de sua vontade, felicidade, consciência, conhecimento e ação. Os fundadores da Tradição consideravam a deusa a perfeita metáfora para mágika.

Foi idéia de Tali Eos a conecção das esferas com as paixões sagradas. A décima esfera, Lakashim, seria teoricamente a união de todas elas. Em sua visão, um místiko sente o Lakashim, então torna-se uno com ele. Através dessa união todas as coisas são possíveis. Para comandar a mágika, a pessoa precisa primeiro se sentir mágika, por isso as paixões individuais são consideradas tão importantes.

Com essa perspectiva, as diferentes esferas se tornam sensações diferentes para se dominar. Cada uma com suas próprias regras. Quanto mais profundo um sente, mais ele entende. Somando-se a isso, a maioria dos mentores ensina diferentes esferas como extensões uma das outras, ligadas às paixões do mago. Iniciantes normalmente começam com um único ponto em diferentes esferas, para então se especializar a partir daí. "Intertreinamento". Esse caminho leva a um melhor entendimento do Todo, e ao longo da estrada, cria uma Divya mais poderosa que uma concentração em uma ou duas esferas.

Nos dias passados, cada paixão era conectada a uma esfera, Essas relações causaram controvérsia, porém, foram logo abandonadas. Apenas por curiosidade, as correspondências originais eram:
Correspondência - Empatia
Entropia - Medo
Forças - Fúria
Vida - Luxúria;
Matéria - Ódio
Mente - Amor
Primórdio - Felicidade
Espírito - Inveja
Tempo - Pesar

local original: Tradition Book - Cult of Ecstasy
nome original: desconhecido
autor(es): Kaworu Naguisa
tradutor(es):

 Navegação Rápida