O Oceano de Poeira


Aviso: Mago: A Ascensão é um jogo. É um jogo sobre temas maduros e questões complexas. O material à seguir tem relação com este jogo. Como tal, ele não requer apenas imaginação, mas também bom senso. O bom senso diz que as palavras de um jogo imaginário não são reais. O bom senso diz que as pessoas não devem tentar realizar "feitiços mágicos" baseadas em uma criação totalmente derivada da imaginação de outra pessoa. O bom senso diz que você não deve tentar desvendar agentes do sobrenatural com inspiração em uma obra completamente fictícia. O bom senso diz que jogos são apenas para se divertir e quando eles acabam, é hora de colocá-los de lado.
Se você perceber que está distante do bom senso, desligue seu computador, afaste-se calmamente e procure ajuda profissional.
Para o restante de vocês, aproveitem as irrestritas possibilidades de sua imaginação.


Abaixo se encontra partes retiradas do "O oceano de poeira", um livro lido com muita freqüencia entre os Eutanatos. O livro contém centenas de pequenos textos e aforismos sem qualquer ordem aparente sobre quase nada. Existem versões em muitas línguas, algumas até mesmo com diferenças significantes. Tanto o autor quanto a língua original do livro são desconhecidos.

Entropia
A Entopia é fundamental. Mais fundamental que tempo e espaço. Mais fundamental que matéria e energia. É mais fundamental que vida e morte. A Entropia é aquilo que guia todas as coisas, a força que gira a grande roda da existência.

Mudança
A Entropia é a força da mudança. Quando alguma coisa muda, ela aumenta a entropia. Quando a Entropia aumenta, alguma coisa muda. Sem a Entropia o universo poderia estar morto, imutável e sem propósito.

A Roda
A Roda gira. Assim como uma parte sobe, a outra deve declinar. Não pode haver vida sem morte. Não pode haver luz sem escuridão. Não pode haver sucesso se não existir a falha. A Roda tem que ter dois lados para ser uma roda..

Evolução
Alguns acreditam que a evolução é o contrário da Entropia. Eles estão errados. A evolução trabalha extirpando os fracos, ineficazes e sem sorte, dando espaço e alimento para outros. Sem a Entopia, a evolução ficaria parada.

Vida
Alguns acreditam que a vida é o oposto da Entopia. Eles estão errados. A Vida é entropia. A Vida necessita de entropia. A vida não existiria sem entropia. Para sustentá-la, água e ar são usados e se tornam dejetos. É por causa deste fluxo constante de ordem e desordem que a vida consegue existir. A vida é a agitação na borda da cachoeira, assim como a água um dia ela cai no abismo abaixo.

Matéria
Matéria é a forma mais baixa e estável de existência. Cada ser vivo algum dia se torna matéria inanimada. A Matéria pode se tornar um ser vivo novamente, mas depois de um tempo se tornará matéria. Tudo feito de matéria vai um dia retornar a ser matéria.. Tudo vai um dia se tornar matéria.

Energia
Energia é mudança ou mudança potencial. Mas quando algo muda, a entropia aumenta. A energia se tornará um pouco mais degradada. Caso contrário não poderia efetuar qualquer mudança ordenada. Logo a energia será dissipada, talvez até mesmo realizando um trabalho útil. Só o calor permanecerá. E o calor se dissipará.

Espíritos
Alguns dizem que o mundo do espírito não tem entropia. Eles estão mentindo. O mundo dos espíritos é um lugar de grandes mudanças. E mudança é entropia. Espíritos são seres de fora do mundo. Eles não podem existir sem isto, e alimentam-se de sua própria entropia, assim como nós.

Despertar
Todo ser é despertado uma vez em sua vida - No momento de morrer. Enchergará além das ilusões de sua existência e passará para uma nova existência . Infelizmente quase todos escolhem por esquecer este momento. É nossa tarefa despertar aqueles que estão prontos, e preparar os outros.

Criação
Uma vez a força e forma se cristalizaram à partir da pura quintessência. Das forças despropositadas e das formas maleáveis, matéria e energia foram criadas. Surgindo da matéria morta no chão a vida surgiu. Da vida descuidada a mente foi criada. Esta evolução foi guiada pela entropia. A Entropia deixou a quintessência se tornar força e forma. E ela deixará que voltem à serem pura quintessência quando a hora certa chegar.

Destruição
A Entropia destruirá qualquer coisa com o tempo, por mais eterno que possa parecer. Um dia uma pedra será pó. Um dia você será pó. Um dia a Terra será pó. "Isto é o mal " que muitos dizem. Eles não entendem porque tudo tem que desintegrar à suas formas mais baixas. Estas formas também se desintegrarão. Finalmente, tudo será desintegrado à componentes separados. Estas serão partes de formas novas. Plantas se alimentam do pó nas pedras. Vermes se alimentam do pó de homens. Quem sabe o que poderia se alimentar do pó de mundos?

Tempo
Os Cientistas sempre dizem que a entropia aumenta com o passar do tempo. Isto está errado. O tempo passa porque a entropia aumenta. Nós preferimos ver o tempo da forma que fazemos, porque nós estamos entre seres vivos, vivendo em entropia. Nós podemos ver o tempo de outros modos, em outras direções. Mas isto não é útil, porque nós somos seres de entropia. Nós escolhemos a direção do tempo que percebemos assim como a direção da Entropia aumenta mais e mais.

Medo da Morte
A Morte é a grande mudança que todos os seres vivos têm que passar. A vida tem que ser conduzida para a morte, como a luz cria sombra. Muitos temem a morte, tente ignorar isto, tente esconder disto. Ela sempre virá. Eles a temem porque eles não vêem o que está por trás dela, não vêem seu propósito. Eles só vêem escuridão onde há luz. Nós temos que mostrar para aqueles que estão prontos o caminho até o abismo. Aqueles que não estão prontos devem ser ajudados para que possam soltar suas mãos da beira do abismo. Eles só desperdiçam seu precioso tempo e energia lutando contra ela.

O Kia
O Kia é quase eterno. Ele criará uma alma para habitar. A alma criará um espírito para habitar. O espírito criará um corpo para habitar. O corpo, espírito e alma morrerão e se dissolverão novamente, mas o Kia continuará .

Reencarnação
O Kia e fragmentos de espíritos, almas e corpos prévios atravessarão encarnações incontáveis, acumularão experiências para então perdê-las. Algumas experiências serão úteis, e eles se lembrarão destas. Outras serão inúteis e serão esquecidas. Algumas lições serão duras, e podem levar centenas ou mais encarnações para serem aprendidas. Muitos seres esquecem o que eles já haviam aprendido em algum momento, e recomeçam tudo novamente.

Equilíbrio
A Entropia é uma força de equilíbrio. Quando algo está desequilibrado, ele vai mudar. Pode mudar em muitas formas mas eventualmente ficará estável. Se há equilíbrio, a entropia o destruirá cedo ou tarde. Deve haver um equilíbrio de equilíbrio.

Aleatoriedade
Não há nenhuma lei de aleatoriedade, só o jogo de pequenas forças. Estas forças são o que restam das forças, seres e coisas que a entropia reivindicou ou reivindicará. Alguns dados são lançados; os arranhões em sua superfície, a turbulência no ar e o tremor do jogador são estas forças que irão jogar seu jogo para decidir qual lado virá pra cima, enquanto a entropia drena a energia dos dados para fazê-los parar de rolar.

Rigidez
Algumas pessoas tentam tornar seus trabalhos eternos. Eles são idiotas completos, e irão falhar. A entropia reivindicará tudo no final das contas. Mas as forças da rigidez perturbam o fluxo de entropia e destroem o equilíbrio entre destruição e criação. Eles nunca deixarão voluntariamente seus lugares, esmagarão e dificultarão tudo o que um dia poderá vir a derrubar sua pirâmides. O equilíbrio deve ser restabelecido.

Estabilidade
A estabilidade é uma ilusão. Nada persistirá para sempre, enquanto a entropia lentamente empurrá-la para a destruição. Algum fenômenos persistem por muito tempo para os humanos dizerem: "Isto é estável, e permanecerá por muito tempo mesmo depois da minha morte". Idiotas! Insetos dizem: "Esta grama é eterna, por muito tempo mesmo depois da minha morte"

Ilusões
Todo ser se cerca com ilusões de conforto. Sem ilusões os adormecidos não conseguem viver. Quebre algumas de suas ilusões e eles morrerão, ficarão loucos ou despertarão. Até mesmo se morrerem eles não terão perdido nada, porque seu Kia se irá e criará uma nova alma, espírito e corpo. Se eles morrerem do jeito certo e no momento certo, eles se lembrarão de algo da verdade.

Dualidade
Dois opostos sempre são causados por um terceiro, mas fundamental fenômeno. Luz e Escuridão são dois lados da mesma moeda, e só existem como dois extremos da iluminação. Vida e Morte são a parte mais alta e mais baixa da grande roda. Tudo tem seu oposto, e são base de algo mais fundamental. Esta coisa contudo é base de outra coisa, e assim por diante. A Entropia divide tudo em opostos. Este é o ato que cria o universo.

Existência
A dança entre a Existência e a Entropia cria o universo. A entropia vai dividir a existência em coisas menores, e estas coisas em coisas menores ainda. Isto forçará elas à mudarem e criarem com o tempo. Sem a Existência, nada existiria. Sem Entropia somente Existência pura existiria, nada mais.

A Boa Morte
O maior presente que pode ser dado à qualquer ser vivo. Se ele morre do jeito certo quando está pronto, seu Kia será deixado livre, com uma parte de sua alma e espírito. Deste modo ele talvez se lembre de algumas das lições desta vida na próxima. Mas nunca dê a Boa Morte para o desmerecedor, para que ele não se lembre de uma existência melhor deixada no esquecimento.

Mortos Vivos
Alguns seres deixam a roda da vida e da morte e sacrificam tudo para existir para sempre. O corpo que se levanta do sepulcro é o mesmo que foi posto lá dentro. O espírito que se levanta do sepulcro é o mesmo isso foi posto lá dentro. Mas a alma e o Kia não são os mesmos. Os mortos agora vivos, não têm consciência de que perderam suas almas e Kias que continuarão encarnando como antes. Ao invés dissos eles agora ganham um fragmento da alma de qualquer outra coisa. Eles ainda se lembram de suas vidas antes de morrrem, e acreditam que são as mesmas pessoas de antes. Eles são imitadores perfeitos deles mesmos. Esta realmente é uma piada horrenda.

Os Despertos
Os despertos jogaram abaixo algumas das ilusões menores, e orgulhosamente proclamam sua iluminação. Muitos não desejam procurar mais adiante, arriscar quebrar sua novas ilusões. A maior ilusão de todas é aquela de que alguém livrou a si mesmo de todas as ilusões. Esta também é uma ilusão.

Mágika
Aqueles que viram através das ilusões não tem mais necessidade de seguí-las. Isto é o que os não iniciados irão chamar de mágika. Lembre-se que esta mágika pode ser útil, mas não é a verdade.

Loucura
Tenha cuidado quando julgando um dessaranjado. Eles podem ver mais longe que você na confusão deles.

Pós-Vida
Muitos humanos se iludem com a idéia de uma pós-vida. Quando eles morrem, seus espíritos dissolvidos serão alucinados pelos céus ou infernos que eles esperavam em vida. Eles serão punidos por seus pecados imaginários. Eles serão recompensados por suas virtudes imaginárias. Eles serão dissolvidos dentro de suas próprias ilusões.

Perfeição
Todo mundo almeja a perfeição. Mas quando a perfeição é atingida, ela não durará. A Perfeição cedo ou tarde será esmigalhada, só para ser substituída por qualquer outra coisa. Então a busca pela perfeição começa novamente.

Vontade
Todos os desejos e luxúrias terrenas do seu corpo não são sua verdadeira vontade. Suas idéias voláteis e os sentimentos de seu espírito não são sua verdadeira vontade. As necessidades mais profundas e desejos incontidos de sua alma não são sua verdadeira vontade. A sua vontade verdadeira é parte do Kia, que é indivisível. Sua verdadeira vontade não pode ser quebrada. Sua vontade verdadeira não pode ser encontrada.

Magos
Os magos vislumbraram a Verdade. Todos eles. Todos os magos viram suas Verdades através das ilusões, e acreditam que viram a Verdade Única. Eles acreditam que todos os outros magos apenas vêem um reflexo ou uma ilusão. Todos os magos acreditam que são escolhidos, seguidores da Verdade Única. Nós conhecemos isso melhor que todos os outros. Nós conhecemos a Verdade

local original: Anders Mage Page
nome original: The Ocean of Dust
autor(es): desconhecido
tradutor(es): Winter

 Navegação Rápida