Maldição


Aviso: Mago: A Ascensão é um jogo. É um jogo sobre temas maduros e questões complexas. O material à seguir tem relação com este jogo. Como tal, ele não requer apenas imaginação, mas também bom senso. O bom senso diz que as palavras de um jogo imaginário não são reais. O bom senso diz que as pessoas não devem tentar realizar "feitiços mágicos" baseadas em uma criação totalmente derivada da imaginação de outra pessoa. O bom senso diz que você não deve tentar desvendar agentes do sobrenatural com inspiração em uma obra completamente fictícia. O bom senso diz que jogos são apenas para se divertir e quando eles acabam, é hora de colocá-los de lado.
Se você perceber que está distante do bom senso, desligue seu computador, afaste-se calmamente e procure ajuda profissional.
Para o restante de vocês, aproveitem as irrestritas possibilidades de sua imaginação.


 

A habilidade de causar mal aos outros apenas com a Força da Vontade. Esta Linha também pode ser usada para remover efeitos de uma maldição, mas para isso é necessário um ritual específico - e o Feiticeiro precisa ter pelo menos um nível de Maldição acima daquele que originalmente a invocou.

Teste: Manipulação + Intimidação.

- Pequenos inconvenientes, que irritam mas nunca causam dano real.

- Pequenos incômodos, que podem ser vistos corno descuido ou simples azar; podem provocar humilhação ou embaraço, mas nenhum dano.

- Começam a acontecer pequenas doenças e acidentes que provocam dano, mas nada capaz de incapacitar a vítima. A partir deste nível a família, amigos ou colegas da vítima também são afetados, mas com dois níveis abaixo.  

- Doenças ou acidentes sérios, mas não mortais. Tais aflições normalmente não conseguem ser curadas.

- Morte, por vezes de forma bizarra e grotesca. Os descendentes, familiares e amigos são afetados, com três níveis abaixo.

local original: Revista Dragão Brasil
nome original: Feiticeiros
autor(es): Rogério Saladino, revisado por: Gervásio da Silva Filho
tradutor(es):

 Navegação Rápida