Organização


Aviso: Mago: A Ascensão é um jogo. É um jogo sobre temas maduros e questões complexas. O material à seguir tem relação com este jogo. Como tal, ele não requer apenas imaginação, mas também bom senso. O bom senso diz que as palavras de um jogo imaginário não são reais. O bom senso diz que as pessoas não devem tentar realizar "feitiços mágicos" baseadas em uma criação totalmente derivada da imaginação de outra pessoa. O bom senso diz que você não deve tentar desvendar agentes do sobrenatural com inspiração em uma obra completamente fictícia. O bom senso diz que jogos são apenas para se divertir e quando eles acabam, é hora de colocá-los de lado.
Se você perceber que está distante do bom senso, desligue seu computador, afaste-se calmamente e procure ajuda profissional.
Para o restante de vocês, aproveitem as irrestritas possibilidades de sua imaginação.


A Iteração X é uma organização rigidamente hierárquica. Teoricamente, cada membro tem uma designação atual, um Supervisor imediato e um claro conjunto de diretrizes. Na prática, a quantia de liberdade de ação que um Iterador possui varia de designação para designação. Alguns Armadores engajados em trabalho de campo são virtualmente autônomos, enquanto que alguns Controladores são microcontrolados por Autoctonia. 

Kamradas, os empregados não-Iluminados da Iteração X, percorrem a escala desde simples secretários, assistentes de laboratório, zeladores e escravos (que pode ou não estar consciente da verdadeira natureza de seu empregador) a cientistas profissionais e engenheiros, a esquisitices como HIT Marks e Cibertigres Dentes-de-sabre. A Iteração X recruta seus Kamradas humanos principalmente da indústria eletrônica e de campos científicos relacionados, tais como ciência da computação e física. Alguns estão empregados como técnicos, e eles estão geralmente muito contentes por poderem tocar a fantástica tecnologia dos Iteradores. Outros permanecem em seus empregos mundanos, usando o disfarce para introduzir tecnologia Iteradora no mercado de linha mainstream. Finalmente, a Iteração X cultiva laços entre grupos tão diferentes quantos sindicatos trabalhistas, organizações profissionais, facções da Internet e gangues. Quando ela pode, usa o peso de seus Kamradas para encorajar a mudança tecnológica. 

A Convenção admite seus recrutas Iluminados, chamados Ciphers, num longo programa de treinamento desenvolvido para abstraí-los de seus laços anteriores, fortalecê-los e testar sua coragem. Os centros de treinamento da Iteração X freqüentemente se parecem com um cruzamento entre prisão, campo de concentração e terapia de eletrochoque. É claro, o prospectivo recruta raramente está ciente de que ele está naquele momento no processo de deCipherização; muitas mentes com potencial se encontraram transferidos para empregos cansativos, jogados em alojamentos corporativos banais e inundados com educação técnica.  Aqueles que perseveram e absorvem seu treinamento podem eventualmente graduar. Ciphers que desistem, ou que tentam fugir são observados cuidadosamente por questões de potenciais problemas de segurança. Muitos acabam em "acidentes" ou então com os planos frustrados. Alguns Ciphers morrem durante o treinamento ou falham em atingir a Iluminação, mas aqueles que com sucesso "deCipharam" se tornam membros plenos da Convenção e assumem o nível Iluminado mais inferior, o de Armador. E para aqueles que não conseguiram graduar, ou que são feridos (seja por acidente ou de propósito) nesse período - a Iteração X pega seu peso de carne, e um novo HIT Mark ou outros constructos que são construídos a partir dos restos humanos. Afinal de contas, o desperdício é indesejável. 

Um Iterador ascendente tem a oportunidade de estudar com outros cientistas computacionais e desenvolver tecnologias para ajudar em operações clandestinas. Os Armadores realizam o serviço sujo seja no campo ou auxiliando Programadores no laboratório. Além disso, cada Armador deve fazer um tour de serviço na Corporação de Choque, um grupo multi-Metodológico de soldados combatentes. Alguns Armadores jamais são promovidos, e alguns até recusam a honra, preferindo o trabalho de campo. Iteradores Iluminados que demonstraram lealdade e competência sobem ao nível de Programador, onde eles pesquisam em seus próprios laboratórios, deCipham novos recrutas, ou realizam outros papéis de liderança. Além disso, há um Controlador - cujo dever é direcionar os Programadores e Armadores sob seu comando, agir como ligação com outros Constructos e executar quaisquer ordens recebidas de Autoctonia e do Computador - para cada Constructo da Iteração.

 

local original: White-Wolf
nome original: Technocracy Guide
autor(es): desconhecido
tradutor(es): Dr. Orlando

 Navegação Rápida