O Rei das Larvas


Aviso: Mago: A Ascensão é um jogo. É um jogo sobre temas maduros e questões complexas. O material à seguir tem relação com este jogo. Como tal, ele não requer apenas imaginação, mas também bom senso. O bom senso diz que as palavras de um jogo imaginário não são reais. O bom senso diz que as pessoas não devem tentar realizar "feitiços mágicos" baseadas em uma criação totalmente derivada da imaginação de outra pessoa. O bom senso diz que você não deve tentar desvendar agentes do sobrenatural com inspiração em uma obra completamente fictícia. O bom senso diz que jogos são apenas para se divertir e quando eles acabam, é hora de colocá-los de lado.
Se você perceber que está distante do bom senso, desligue seu computador, afaste-se calmamente e procure ajuda profissional.
Para o restante de vocês, aproveitem as irrestritas possibilidades de sua imaginação.


(barabi Orador dos Sonhos)

Essência: Primordial
Natureza: Juiz
Comportamento: Ranzinza

Atributos: Força 1, Destreza 1, Vigor 1; Carisma 1, Manipulação 1, Aparência 1; Percepção 4, Inteligência 3, Raciocínio 5
Habilidades: Prontidão 5, Consciência 5, Lábia 5, Erudição 3 (Vampiros 3, Garou 3, Magos 4, Wyrm 4, Aparições 4, Fadas 1)

Antecedentes: Arcano 3, Avatar 3, Sonho 5
Esferas: Correspondência 3, Forças 2, Vida 4, Mente 4, Espírito 4, Tempo 2
Arete: 5
Força de Vontade: 8
Quintessência: 4
Paradoxo: 7

Imagem: O Rei das Larvas é um homem pequeno e enrugado. Ele verte um saco de batatas com alguns bolsos costurados displicentemente, onde ele guarda os seus "bichinhos". Tanto quando atuando ou fora do show, o Rei permanece no seu trono dentro da caixa, cercado por milhares de larvas de inseto.

História: Uma criança geneticamente mal formada, seu Avatar Despertou logo após o parto. Sua mãe abandonou-o num orfanato quando ele tinha apenas um ano, e ele permaneceu lá por 13 anos. No orfanato, o Rei das Larvas mandou um grupo de seus "seguidores" para entrar em contato com Harding. Harding manteve contato com o Rei, percebendo o grande poder mental deste. Quando o Cabaré foi formado, o Rei das Larvas tornou-se o primeiro membro da "Galeria dos Anormais".

Notas de interpretação: Você é aquele que está ao lado dos rastejadores primários. Seus seguidores estão espalhados por todo o globo, trazendo segredos e mistérios para você de todos os cantos. E de algum lugar no redemoinho obscuro das trevas, o grande Verme fala com você.

Nota: O Rei das Larvas sabe operar um ritual muito particular, que ele chama de "Saudações". Quando seus inimigos dormem, o Rei manda milhares de seus seguidores para o alvo, enquanto a sua vontade força-os a continuarem dormindo, enquanto tem pesadelos de estarem sendo comidos vivos (o que efetivamente está acontecendo). Pela manhã os seguidores do Rei das Larvas têm um novo lugar onde cruzarem e se alimentarem.

[Usando Correspondência 2, o Rei localiza seu alvo. Então ele cria uma legião de novas larvas, se não houverem larvas próximas, usando Correspondência 2, Vida 3 e Primórdio 2, ao mesmo tempo em que força o alvo a continuar dormindo (Mente 2). Para cada sucesso que o Rei obtiver em seu teste de Arete, o alvo recebe dois pontos de dano que podem ser absorvidos. O Alvo também pode resistir o sono forçado, com um teste de Força de Vontade (Dificuldade 8) e obtendo mais sucessos que o Rei obteve no seu teste de Arete. Note que este efeito é altamente vulgar.]

local original: Anders Mage Page
nome original: The Midnight Cabaret
autor(es): Shelby Babb
tradutor(es): Mr Ramuh

 Navegação Rápida