A Mente Sombria


Aviso: Mago: A Ascensão é um jogo. É um jogo sobre temas maduros e questões complexas. O material à seguir tem relação com este jogo. Como tal, ele não requer apenas imaginação, mas também bom senso. O bom senso diz que as palavras de um jogo imaginário não são reais. O bom senso diz que as pessoas não devem tentar realizar "feitiços mágicos" baseadas em uma criação totalmente derivada da imaginação de outra pessoa. O bom senso diz que você não deve tentar desvendar agentes do sobrenatural com inspiração em uma obra completamente fictícia. O bom senso diz que jogos são apenas para se divertir e quando eles acabam, é hora de colocá-los de lado.
Se você perceber que está distante do bom senso, desligue seu computador, afaste-se calmamente e procure ajuda profissional.
Para o restante de vocês, aproveitem as irrestritas possibilidades de sua imaginação.


Todos os seres possuem o nada como base para suas estruturas. Todos somos formas andando sobre a sombra de um mundo imaginário e, assim como tudo mais, o processo racional surge de uma fagulha em meio ao grande vácuo. Os nefandi, como mestres da entropia incondicionais, possuem uma intima ligação com esse vácuo primordial de onde surgem todos os pensamentos. Todas as mentes são telas brancas onde essa força escreve seus desígnios e lança-os no nada. Toda a mente escreve sobre algum lugar, um lugar sem forma tempo ou espaço, dentro e fora de todos nós. Esse lugar, esse nicho pensante do universo também é lapidado sobre uma grande base vazia. Procurando acessar esse ponto no meio do vortex o nefandi é capaz de, fazendo borbulhar e abrindo as portas do seu nada interior, absorver e conectar sua mente aos pensamentos de todos os outros nefandi. O ponto onde os pensamentos de todos os decaídos convergem na telluriam é chamado de Mente sombria, ou Vozes do Vortex. Nesse ponto as milhares de vozes dos Nefandi que já foram , poderiam ser e virão a decair gritam na não existência suas intenções e pensamentos. Todo decaído possui, em algum nível, uma ligação com esse ponto de conexão. Essa ligação é o ponto onde surgem seus próprios pensamentos pois, sendo ele apenas parte do grande nada que permeia o mundo, os seus pensamentos também fazem parte da grande Mente Sombria do vortex.

Uma vez que a afinidade e a aceitação do Magi dentro de sua própria inexistência aumenta também aumentam suas habilidades de acessar a grande Mente Sombria. Assim como a separação dos pensamentos é mentira também é mentira as Barreiras do tempo, Vida  e Morte e mesmo a Distância. A queda dessas barreiras permite ao Nefandus procurar dentro das Sombras do Vortex vozes dos que já morreram ou mesmo vozes de Nefandi que já deixaram de existir para assumir novas encarnações. Acessar as vozes é uma tarefa árdua para novatos no secto e os perigos envolvidos são maiores ainda. Caso o magus se abra demais a essa comunicação ele pode perder sua própria consciência sobrecarregando sua forma dentro do turbilhão de personalidades absorvidas no local.

A mente sombria é um ritual que tem diversas utilidades dentro das fileiras dos decaídos. Uma de suas formas mais simples de implantação é,obviamente, o contato telepático. Reuniões entre diversos nefandi e mesmo convenções atemporais são criadas para que o secto organize seus planos. Ataques coordenados e mesmo seções de debates são criadas dentro da Mente do Vortex como forma de preservar conhecimento decaído. Lordes Nefandi da corrupção habitam a mente sombria numa existência isolada, coordenando ações conjuntas e treinando nefandi de todos os tipos. Diversos rituais de impressão são realizados para mandar a mente de nefandus numa existência atemporal dentro dessa rede. Outra utilidade da rede é colocar a disposição de aprendizes e neófitos instrutores capazes de revelar os segredos do secto. Muitas capelas decaídas têm locais próprios onde versões permanentes desse poderoso ritual permitem que nefandi que morreram ou que ainda não nasceram ensinem conhecimentos para pupilos. Uma grande orda de decaídos já foi treinada por eles mesmos em outras encarnações ou receberam informações essenciais de seus próprios futuros pupilos. Todos são potenciais nefandi, a rede comprime tanto os pensamentos dos nefandi que existiram quanto os que nunca surgiram e nesse mar caótico os decaídos buscam as mentes das pessoas que pretendem fazer decair em busca de dicas como corrompe-las. Quem melhor que você mesmo daqui a dez anos para falar como pega-lo com jeito. Essa comunicação já provou ser útil quando um decaído aparece sempre estar no lugar certo na hora certa. Essas comunicações porém são difíceis e exigem contato prolongado. O maior e mais caótico propósito da rede é criar mentes vivas. Pegando um corpo disforme e criando um ritual de permanência através da mente sombria um magus é capaz de colocar o sumo dos pensamentos do próprio vortex dentro de um servo leal. Esse servo tomará decisões sábias ou brutais dependendo do propósito dado a ele pelo seu criador. De conselheiros à máquinas de guerra esses decaídos moveram a história da guerra da ascensão.

Ultimamente estudos feitos com adeptos e usuários da rede descobriram algumas figuras negras flutuando dentro dos confins de seus domínios. Muitos especulam se os nefandi simplesmente não conheciam a rede antes mesmo de Alan Turing utiliza-la em sua VR. Ainda para ser conferido a possibilidade de um setor inteiro formatado com as mentes decaídas de todos os nefandis da existência e Inexistência é uma possibilidade no mínimo assustadora. A tecnocracia tem encontrado evidências similares de que um reino negro existe em algum lugar da VR e vários exploradores virtuais já foram mandados para conferir a situação, mas as informações tendem a mostrar diversas incongruências, suspeita-se de uma conspiração dentro da própria tecnocracia que esteja tentando abafar os fatos.

Os Caminhos para o Limbo.
Os Amaldiçoados.
Profetas Negros.
Lordes Negros.
As Sombras e os Espectros.
A Rede Virtual e a Mente Sombria.

local original: Page of Mirrors
nome original: A Mente Sombria
autor(es): Kaworu Naguisa
tradutor(es):

 Navegação Rápida