Progenitores


Aviso: Mago: A Ascensão é um jogo. É um jogo sobre temas maduros e questões complexas. O material à seguir tem relação com este jogo. Como tal, ele não requer apenas imaginação, mas também bom senso. O bom senso diz que as palavras de um jogo imaginário não são reais. O bom senso diz que as pessoas não devem tentar realizar "feitiços mágicos" baseadas em uma criação totalmente derivada da imaginação de outra pessoa. O bom senso diz que você não deve tentar desvendar agentes do sobrenatural com inspiração em uma obra completamente fictícia. O bom senso diz que jogos são apenas para se divertir e quando eles acabam, é hora de colocá-los de lado.
Se você perceber que está distante do bom senso, desligue seu computador, afaste-se calmamente e procure ajuda profissional.
Para o restante de vocês, aproveitem as irrestritas possibilidades de sua imaginação.


"Não se preocupe. Isto não vai ferir nenhum bit."

Existem várias hipóteses a respeito de como exatamente originaram-se os Progenitores. Alguns acreditam que foram Verbenas rebeldes, que se juntaram a Tecnocracia com medo da Inquisição. Outros acreditam que o início da medicina aconteceu com a origem dos Progenitores ou vice-versa, onde seus métodos substituíram os curandeiros, herbalistas e os próprios Verbena. O fato é que, independentemente de como se originaram, os Progenitores conseguiram reformular todo o conceito do mundo em relação à vida e a doença. Vale dizer que eles conservam alguns costumes dos Verbena.

Diversas vezes, eles focam seus trabalhos na melhoria das técnicas agrícolas com o intuito de passar mais Adormecidos para seu lado. Atribuíram as doenças à uma causa física, ao invés de causas espirituais, desta maneira a doença poderia ser tratada por meios não Mágikos e com os resultados pretendidos. Era mesmo possível eliminar completamente alguns tipos de doenças, algo impensável no paradigma da época. Orgulhosos, com o sucesso alcançado em torno da vida, os Progenitores foram pressionados para que descobrissem de fato os próprios segredos da vida. Suas pesquisas atuais incluem tão somente a evolução humana e a genética. E com isso, aprenderam muito sobre a própria vida, e com isso criaram espécies novas de animais com sucesso. Hoje seus técnicos continuam a desenvolver, cada vez mais, teorias e produtos químicos que melhoram a vida dos Adormecidos. Mas infelizmente, por causa dessa obsessão de estar sempre "aperfeiçoando" o padrão de vida do homem no geral, eles chegam mesmo a se distanciarem de qualquer sentimento puro da humanidade, e podem ser completamente frios e insensatos em seus experimentos, demonstrando que suas metas pessoais são mais importantes do que qualquer outra coisa.

Filosofia: "Nós temos o poder de controlar nossa própria evolução. A expressão final da tecnologia é redefinir os elementos. Nós temos o conhecimento e o poder com as drogas e a genética para que possamos construir um modelo humano melhor, mais forte. Com isso avançaremos a humanidade a um patamar que a natureza só o alcançaria dentro de centenas de anos. Isso nos tornará fortes, e finalmente alcançaremos a Ascensão."

Organização: Os Progenitores organizam-se ao longo das várias linhas acadêmicas ligadas ao estudo da vida. Permanecendo em vários centros de pesquisa e instrução. Cada novo conceito científico é sempre revisado pelos Progenitores. Daí eles decidem o que deve ser financiado e o que deve ser cortado.
Reuniões: Os Progenitores sempre entram de corpo e alma em suas pesquisas e, raramente encontram tempo para interagir com seus colegas. As poucas reuniões existentes tem apenas o intuito de trocar informações práticas, e algumas demonstrações significativas de novas descobertas..
Iniciação: Como a Iteração-X, os Progenitores procuram para recrutas no mundo científico acadêmico. Recentemente, eles notaram que há indivíduos talentosos no mundo das drogas e narcóticos. E estes novos recrutas também possibilitam aos Progenitores conhecimento em larga escala da química das drogas e informações mais detalhadas dos consumidores da droga.
Acólitos: Farmacêuticos, Médicos, Traficantes de Drogas.
Esfera: Vida. As idéias apresentadas pelos Progenitores em relação a esfera da vida, com sua visão mecânica da coisa, influenciaram a opinião da Tecnocracia sobre esta esfera. Eles acreditam que a vida é governada por vários processos pequenos, tais como o DNA, cujas ações podem ser estudadas e compreendidas.
Focos: Eletricidade (Forças, Entropia); Drogas (Vida, Mente); Cronômetro (Tempo); Calculadora (Correspondência, Matéria); Dispositivos Médicos (Primórdio; Espírito).
Conceitos: Doutor (Médico), Traficante de Drogas, Cientista Genético e Biológico.

Estereótipo:

Iteração-X: "São ao menos cientistas. Mas mantém grande obsessão por máquinas, o que os leva a um rumo errado. A Ascensão não é para as máquinas, é para a vida."
NOM: "Como nossos líderes, fazem um bom trabalho, nos deixando fazer o que fazemos melhor. Mas nunca confie num deles."
Engenheiros do Vácuo: "Nós não compreendemos o porque desta louca obsessão pelo espaço, porém não temos qualquer divergência com eles. E freqüentemente eles vem até nós com novas espécimes de seres estranhos. Muito estranhos."
Sindicato: "Homens de negócio. São extremamente úteis, mas fique atento a lábia deles. Nossos breves contatos com o mundo das drogas, nos mostrou que este mercado tem um grande potencial, e deveria ser explorado."

local original: desconhecido
nome original: desconhecido
autor(es): desconhecido
tradutor(es):

 Navegação Rápida