Pangea


Aviso: Mago: A Ascensão é um jogo. É um jogo sobre temas maduros e questões complexas. O material à seguir tem relação com este jogo. Como tal, ele não requer apenas imaginação, mas também bom senso. O bom senso diz que as palavras de um jogo imaginário não são reais. O bom senso diz que as pessoas não devem tentar realizar "feitiços mágicos" baseadas em uma criação totalmente derivada da imaginação de outra pessoa. O bom senso diz que você não deve tentar desvendar agentes do sobrenatural com inspiração em uma obra completamente fictícia. O bom senso diz que jogos são apenas para se divertir e quando eles acabam, é hora de colocá-los de lado.
Se você perceber que está distante do bom senso, desligue seu computador, afaste-se calmamente e procure ajuda profissional.
Para o restante de vocês, aproveitem as irrestritas possibilidades de sua imaginação.


A Terra passou um grande período de tempo num estado primordial. As energias espirituais dessa era deixaram uma marca indelével na Umbra. As eras marcaram Pangea no tecido da Umbra com uma força e solidez inexistentes em qualquer outro Reino. Pangea é repleta de grandes selvas virgens e pristinas florestas tropicais. Todas as espécies que já viveram florescem e habitam esse Reino.

Até mesmo dinossauros titânicos e um grande dragão Incarna chamado de Serpente Anciã tem ali a sua toca. As forças da Wyrm têm tentado isolar Pangea do resto da Umbra, e muitos Garou acreditam que este Reino guarda um segredo capaz de preservar o mundo do Apocalipse.

Todos os Garou recebem um ponto de Gnose ao amanhecer, e todos os testes de Impulso Primitivo feitos em Pangea recebem um sucesso automático.

local original: Lobisomem - O Apocalipse
nome original: O Mundo Espiritual
autor(es): desconhecido
tradutor(es): desconhecido

 Navegação Rápida