Os três princípios da realidade


Aviso: Mago: A Ascensão é um jogo. É um jogo sobre temas maduros e questões complexas. O material à seguir tem relação com este jogo. Como tal, ele não requer apenas imaginação, mas também bom senso. O bom senso diz que as palavras de um jogo imaginário não são reais. O bom senso diz que as pessoas não devem tentar realizar "feitiços mágicos" baseadas em uma criação totalmente derivada da imaginação de outra pessoa. O bom senso diz que você não deve tentar desvendar agentes do sobrenatural com inspiração em uma obra completamente fictícia. O bom senso diz que jogos são apenas para se divertir e quando eles acabam, é hora de colocá-los de lado.
Se você perceber que está distante do bom senso, desligue seu computador, afaste-se calmamente e procure ajuda profissional.
Para o restante de vocês, aproveitem as irrestritas possibilidades de sua imaginação.


Bases filosóficas

Que tal se começássemos a pensar filosoficamente sobre nosso jogo preferido? Essa é a minha proposta no artigo de hoje. Nosso tema será parte da metafísica da Mágika, mais precisamente, os três estados da realidade: Dinamismo, Estase e Entropia. Vamos analisá-los parte por parte e verificar que, além de importantes elementos para que a ambientação seja coerente, ele pode nos ajudar na criação de nossas histórias - desde crônicas, a aventuras soltas. Tendo claro que a Entropia corresponde à mudança, a criação ao Dinamismo e a manutenção à Estase, e que esses três elementos atuam de forma cíclica, acho que podemos começar.

O mito dos lobisomens: A primeira aparição da Trindade no WoD
A visão vampírica
A dialética na filosofia
Nossa história
As três transformações
Enfrentando desafios
O ciclo na criação de histórias
Criando personagens realmente dedicados: Os NPC's

local original: Page of Mirrors
nome original: Os três princípios da realidade:Base Filosófica
autor(es): Verbenazinha Cayra
tradutor(es):

 Navegação Rápida