Iniciação nas Tradições


Aviso: Mago: A Ascensão é um jogo. É um jogo sobre temas maduros e questões complexas. O material à seguir tem relação com este jogo. Como tal, ele não requer apenas imaginação, mas também bom senso. O bom senso diz que as palavras de um jogo imaginário não são reais. O bom senso diz que as pessoas não devem tentar realizar "feitiços mágicos" baseadas em uma criação totalmente derivada da imaginação de outra pessoa. O bom senso diz que você não deve tentar desvendar agentes do sobrenatural com inspiração em uma obra completamente fictícia. O bom senso diz que jogos são apenas para se divertir e quando eles acabam, é hora de colocá-los de lado.
Se você perceber que está distante do bom senso, desligue seu computador, afaste-se calmamente e procure ajuda profissional.
Para o restante de vocês, aproveitem as irrestritas possibilidades de sua imaginação.


Cada mentor das tradições tende a seguir um processo particular de iniciação. Contudo cada mentor tem suas peculiaridades, muitas tradições reconhecem um especifico conjunto de ritos no processo de iniciação. Aqui está um rápido comentário do que esperar:

Irmandade de Akasha
As chances são, se você está com a Irmandade, de já ter passado pelas coisas monásticas, ou então você espontaneamente Despertou e foi pego por algum mestre Zen antigo e sábio. Akashas geralmente gastam vários anos treinando seus pupilos, empurrando para a visão interior e melhoramento físico ao mesmo tempo. Isso quer dizer que eles confiam em enigmas, testes físicos, e a ocasional moral de questionamento para testar a consciência de seus discípulos. Muitos Akashas novos descobriram é que no mundo de fora suas filosofias são difícil de provar. Um discípulo só está pronto para seguir em frente quando ele encontra fundações espirituais que o permitem lhe dar com o mundo de fora.
“Agarre o seixo de minha mão, gafanhoto”

Coro Celestial
Você já viu um pouco da iniciação — tipicamente muito religiosa com aqueles adornos de igrejas. Quer que seja o mentor ou o pupilo ou a congregação inteira, a iniciação é um rito de investimento. O discípulo vira um sacerdote do Coro, responsável por guiar e proteger os outros e se responsabiliza pelo uso de poder. O mentor “levanta” o discípulo, elevando o discípulo até o nível que ele imagina poder alcançar.

Culto do Êxtase
Uma vez esse pessoal teve uma complexa iniciação, muitos caíram pelo caminho. Desde de que eles são primariamente experimentais, a iniciação é algo em torno de compartilhar experiências que confirmem o lugar do discípulo em escolher seu novo lugar de estudo. Seja isso em uma sessão de apuros, um jantar de filé ou em um sexo selvagem, isso depende do estilo do mentor.

Oradores dos Sonhos
Esse pessoal sempre se agarra nas suas antigas iniciações ritualísticas. Dependendo de quão rígido é o mentor, a iniciação pode ser qualquer coisa, desde um rápido duelo com um espírito até longos dias de buscas de visões, viagens, caças, tatuagens ou até mesmo cicatrizes ritualísticas e surras.
O iniciado deve ser jogado de fora da comunidade, tornando-se uma pessoa sozinha, alguém que vive para e é guiado por um espírito. Contudo isso traz poder, isso também faz o Dreamspeaker alguém separado da comunidade e ligado apenas a grande comunidade de espíritos.

Eutanatos
Mesmo que muitas Tradições de magos falem mal sobre o ritual de morte dos Euthanatos, aqueles que dizem isso são aqueles que menos sabem. Os Euthanatos realmente acham valor na morte e querem suas cargas para entender a pós-vida e o ciclo de reencarnação, então conversar com um fantasma é uma boa maneira de conseguir tudo isso. Contudo, não é sempre apropriado mandar um pupilo gritando para o outro lado. A iniciação dos Euthanatos se enfoca mais em obrigações morais de suas posições. Visitando o Mundo Inferior, não significará se comunicar com a sabedoria dos fantasmas, mas sim, o jeito de olhar a morte de um outro ponto de vista que é valido, para assim apreciar o ciclo de vida e entender o porquê os Euthanatos fazem esse trabalho — e os preços que tem a pagar por eles.

Ordem de Hermes
Se existe algum grupo mais unido e ritualístico ele ainda não deu as caras. Até mesmo os burocráticos do Wu Lung não se comparam com esse grupo. Eu não posso dizer muito, já que a Ordem mantém muito de seu material em segredo. Contudo seus rituais são mais de provação de resistência mental e perspicácia social. O aprendiz deve passar por um teste particular imposto pelo seu mentor, com muitas condições especificas. Quando o aprendiz obtiver sucesso, ele é libertado e já conta como um mago; se ele falhar, ele passa mais um ano em treinamento antes de tentar sua licença de novo.

Filhos do Éter
Para um grupo de cientista malucos, não existe uma real iniciação organizada. Muitos seguem uma pequena jornada ou um projeto maior, fazendo criações e teorias procurando aceitação entre outras de sua Tradição. Se a teoria for uma boa, ou a criação for reconhecida como útil ou interessante dentro da academia bizarra dos Etéricos, então o inventor é recompensado com o titulo de cientista.

Verbena
Danças ao ar livre e rituais de sexo? Eu acho que não. Os Verbenas são bem sérios quanto a sua mágika e seus papéis pintados de sangue com a mão na criação. Contudo, sexo e nudez sempre aparecem (mesmo que em pequenas partes) de seus rituais, a iniciação é uma prática assustadora. Os Verbenas requerem recrutas que são fortes em dedicação e mente. Com isso, eles fazem rituais de sangue e sacrifício para a iniciação. Ainda bem que os dias de sacrifícios humanos já se foram faz tempo. Assim esperamos.

Adeptos da Virtualidade
Os Adeptos são realmente uma “comunidade legal”. Aceitação de um completo Adepto vem de um simples reconhecimento. Por causa disso, os Adeptos têm que levar adiante (algumas vezes bobas e até mesmo suicidas) travessuras, missões e trabalhos para conseguir reconhecimento da Elite. Quando ele atrair o olhar de alguns da Elite, ele pode esperar que suas façanhas se espalhem por ai. Se as suas façanhas são realmente boas, ou ele mostrou grande esperança, ele é então reconhecido como um completo Adepto. Caso contrário ele é só um blefador.

local original: Playerstool
nome original: desconhecido
autor(es): Tecnomage (Diego Gonçalves de Oliveira)
tradutor(es): desconhecido
revisor(es):  

 Navegação Rápida