Estereótipos


Aviso: Mago: A Ascensão é um jogo. É um jogo sobre temas maduros e questões complexas. O material à seguir tem relação com este jogo. Como tal, ele não requer apenas imaginação, mas também bom senso. O bom senso diz que as palavras de um jogo imaginário não são reais. O bom senso diz que as pessoas não devem tentar realizar "feitiços mágicos" baseadas em uma criação totalmente derivada da imaginação de outra pessoa. O bom senso diz que você não deve tentar desvendar agentes do sobrenatural com inspiração em uma obra completamente fictícia. O bom senso diz que jogos são apenas para se divertir e quando eles acabam, é hora de colocá-los de lado.
Se você perceber que está distante do bom senso, desligue seu computador, afaste-se calmamente e procure ajuda profissional.
Para o restante de vocês, aproveitem as irrestritas possibilidades de sua imaginação.


Irmandade de Akasha: Ascetas honoràveis que cegaram a si mesmos através da negação. Todos somos carne, não importa o quanto alguns de nós tentem esquecer isso.

Coro Celestial: Não me provoque!

Culto do Êxtase: Precisam apenas de um pouco mais de concentração. Respeite suas idéias, entenda seus métodos e ignore suas loucuras.

Oradores dos Sonhos: Nossos semelhantes e os que aproximam mais de nosso entendimento. Eles simplesmente procuram fora aquilo que nós encontramos interiormente.

Eutanatos: Sim, eu entendo o ciclo. Eu só desprezo a finalidade que eles deram a ele. A vida é sagrada demais para ser descartada tão facilmente.

Ordem de Hermes: Com todos os seus livros e diagramas, eles esqueceram a alma que existe em sua Arte.

Filhos do Éter: Sexistas miseràveis que não conseguem largar seus blocos de montar. Jà é hora de crescer, pessoal!

Adeptos da Virtualidade: Nós sabemos como a perseguição pode afetar o comportamento de uma pessoa, mas eu não confiaria nestes bebês de proveta enquanto pudesse mexer sozinho num computador. A màgika deles é assustadora.

Vazios: Estes filhos da meia noite tendem a seguir nosso caminho, mas conhecem pouca coisa sobre nossos mistérios. Nós deveríamos guià-los.

local original: Mago A Ascensão
nome original: desconhecido
autor(es): desconhecido
tradutor(es): Marcel Murakami Iha
revisor(es):  

 Navegação Rápida